3 principais dúvidas sobre atualização de tabelas

Tabela salarial: respondemos a 3 principais dúvidas

Uma tabela salarial, quando bem estruturada, pode trazer benefícios para a saúde financeira da empresa, ajuda a evitar a alta rotatividade e a manter os profissionais motivados.

Mas equilibrar tanto os interesses da organização quanto dos colaboradores é um desafio complexo para o RH. Então, ficam as perguntas: qual é a melhor forma de atualizar a tabela? O ideal é fazer isso por grupos ou níveis de cargos? O que deve ser considerado?

A Consultora Estratégia Remuneração da Carreira Muller, Vanessa Ferraz, é quem nos ajuda a responder essas questões. Acompanhe o conteúdo para saber como ter a melhor tabela salarial para sua empresa.

Qual a melhor forma de atualizar a tabela salarial? 

Não há dúvida: a melhor forma de atualizar a tabela está em observar os dados do mercado, a partir de um painel selecionado com empresas que fazem sentido para o contexto do seu negócio: mesma região, faturamento, nicho, etc. 

Com esse painel específico, é possível confrontar dados de uma tabulação atual com os de uma anterior para chegar a um índice de evolução de mercado.

Vale ressaltar que esse índice geralmente é diferente do disposto no acordo coletivo. Inclusive não recomendamos aplicar o acordo coletivo, que até poderia funcionar por um curto período de tempo, mas depois acaba inflacionando a tabela. Então, fica um alerta: basear a tabela salarial apenas no acordo coletivo pode ser um equívoco: o acordo é linear; o mercado, não. O ideal é aplicar o acordo coletivo nas pessoas.

Tabela salarial: atualização por grupos ou níveis de cargos?

Nem uma, nem outra. O ideal, na verdade, é que a atualização seja feita cargo a cargo. Ou seja, observar a faixa salarial de cada cargo praticada pela sua empresa e fazer um comparativo com o mercado. Esse olhar para fora da organização é uma das maneiras mais produtivas de entender sua competitividade – e, consequentemente, de reduzir o turnover e atrair talentos.

Vamos supor que o cargo de analista financeiro da sua empresa esteja na faixa de R$ 4.000,00. No entanto, o mercado aponta para uma referência de R$ 5.000,00, o que demonstra uma evolução. Nessa situação, o que você faria: aplicaria essa diferença percentualmente à tabela salarial para chegar na referência de mercado ou analisaria todos os cargos para obter uma média de evolução e, assim, aplicar esse índice?

O recomendável é seguir pela segunda opção, porque nem todas as áreas seguem a mesma tendência – nem todos os analistas evoluem da mesma maneira, por exemplo. É como diz Vanessa Ferraz, temos que ser “assertivos conforme a área”.

O que considerar na hora de atualizar sua tabela salarial?

Alguns fatores externos devem ser levados em consideração na hora de montar a tabela salarial. Sobretudo nos últimos anos, com a pandemia da Covid-19, a retração do mercado, a incerteza política e as demissões em massa.

Nesse sentido, Vanessa recomenda considerar dois aspectos para atualização da tabela salarial:

  • evolução de mercado: já dissemos antes, mas vale repetir que é fundamental ter uma pesquisa salarial a fim de ver as movimentações reais do mercado. Sabemos que é possível atualizar uma tabela sem isso, mas há risco de se ter salários desequilibrados. 
  • analisar a tabela praticada pela empresa: muitas vezes, a tabela que a empresa usa como balizadora já está acima do valor de mercado. Nesse caso, nossa sugestão é congelar os valores ou aplicar uma correção menor do que a encontrada no índice de evolução.


Quer saber um pouco mais sobre o assunto? Assista ao episódio 35 do ConsultAqui

A Carreira Muller também oferece cursos, pesquisas e uma diversidade de conteúdos para ajudar a estruturar a sua tabela salarial. Conheça a ConsultaSalarial®, maior pesquisa salarial do Brasil. Solicite uma demonstração gratuita!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carreira Muller

Somos uma consultoria especialista em gestão de remuneração que, há  3 décadas, trabalha para desenvolver pessoas e negócios.

Acompanhe-nos

Confira também outros artigos

Separamos mais algumas leituras relacionadas com a publicação acima para você
se aprofundar ainda mais nos conteúdos de remuneração.

Viva uma experiência inédita no Quinto dia Útil!

Participe dos bastidores do nosso podcast em uma imersão presencial, assistindo à 4 entrevistas em primeira mão, se conectando com outros profissionais da comunidade e com a chance de subir ao palco e fazer perguntas diretamente aos convidados!

Acesso gratuito ao módulo Free da ConsultaSalarial®:

Declaro ter ciência e aceitar as condições para navegar no módulo gratuito oferecido pela Carreira Muller:

1 – Para solicitar o acesso é necessário que sejam enviados os dados requisitados no questionário de coleta. As informações recebidas serão analisadas, por parte da Carreira Muller, e o envio destas não acarretará uma liberação automática do acesso.

2 – O prazo de retorno com a confirmação ou declínio do acesso leva até 2 dias úteis.

3 – A forma de comunicação utilizada pela Carreira Muller para informar tudo o que é necessário se faz pelo endereço de e-mail informado no momento do preenchimento do formulário. Portanto, aceitando este termo você também concorda com o recebimento de nossos e-mails. Caso deseje parar de recebê-los há um mecanismo à disposição em cada e-mail disparado.

4 – Não há custo algum para que as empresas selecionadas usufruam desse módulo Free.

5 – Todo o acesso é configurado com base na Razão Social informada pelo solicitante no questionário de coleta. Portanto, se o solicitante deixar a empresa (CNPJ) base cadastrada, o acesso também é desativado.

6 – O informante dos dados se responsabiliza pela veracidade das informações disponibilizadas e pode, a qualquer momento, requisitar a baixa de seu cadastro com a consequente eliminação de todos os dados por ele informados.

7 – Todo o acesso é feito pela nossa plataforma online (www.carreira.com.br) por meio de um login e senha. O login será gerado com base no e-mail corporativo informado nos dados, considerando o tópico 1, e a senha será configurada, pelo próprio solicitante, no primeiro acesso.

8 – O solicitante declara reconhecer que a Carreira Muller é titular exclusiva dos direitos de propriedade intelectual de todo o conteúdo publicado na plataforma. Está ciente que não poderá modificar, transferir, sublicenciar, vender, ou de qualquer forma, colocar à disposição de terceiros, os materiais supra referidos, nem os serviços prestados pela Carreira Muller, a não ser que haja autorização prévia e formal da Carreira Muller, sob pena de responder pelos danos decorrentes dessa conduta.

9 – Considerando a modalidade de oferta desse serviço, a Carreira se resguarda no direito de modificar ou suspender total ou parcialmente tais serviços a qualquer momento, independentemente de notificação prévia.

Solicite seu Diagnóstico

Preencha os campos abaixo para solicitar seu diagnóstico

Fique tranquilo que seus dados estão seguros conforme nossa política de privacidade, frente a Lei de Proteção de dados.

Solicite uma demonstração

Preencha os campos abaixo para solicitar sua demonstração

Fique tranquilo que seus dados estão seguros conforme nossa política de privacidade, frente a Lei de Proteção de dados.

Fale com um consultor

Será um grande prazer retornar sua solicitação!

Fique tranquilo que seus dados estão seguros conforme nossa política de privacidade, frente a Lei de Proteção de dados.

ConsultaSalarial®

SalaryMark®

Acesse nossas plataformas

Acesse nossa área de cursos

Acesse agora o Astrobee