Reembolso de Quilometragem - Carreira Muller

Como reembolsar despesas com deslocamento de colaboradores?

Conheça nosso estudo de Reembolso de KM 2020

O que pode ser reembolsado?

O objetivo do reembolso é cobrir e/ou subsidiar as despesas com abastecimento, manutenção, pneus, trocas de óleo, seguro, taxas, entre outras despesas do veículo.

Os valores reembolsados, nessa modalidade, são vinculados à quilometragem percorrida – ou seja, é estabelecido um valor por quilômetro rodado.

Demais despesas, decorrentes da locomoção para exercer a atividade profissional (como pedágios e alimentações) devem ser reembolsadas à parte.

Reembolso Não é Salário

Com base no decreto nº 3.048/99, art.214, parágrafo 9º, XVIII, a definição da natureza do reembolso de quilometragem é de caráter indenizatório.

Sendo assim, as despesas indenizadas precisam ser condizentes à realização de atividades relacionados à empresa, não se tratando de pagamento habitual.

Dentro desses preceitos, esta verba não possui caráter salarial, estando, portanto, isenta da incidência de encargos sociais, tanto na esfera trabalhista (FGTS), quanto na previdenciária (INSS).

Além de não integrar a remuneração do empregado para outros cálculos, tais como férias, 13º salário, horas extras, aviso prévio etc

Veículo particular pode ser usado e participar do reembolso?

Perguntamos se, nas empresas pesquisadas,
o veículo particular pode ser usado à serviço da empresa e incluído no reembolso de quilometragem.

Confira as respostas ao lado

  • Sim (86.85%)
  • Não (13.15%)

Quando o uso do veículo particular não é permitido, a maioria recorre aos veículos da frota

Radar de tendências

A locação de veículos para usos pontuais (ou até mesmo no contrato mensal) e o uso de aplicativos são boas opções, principalmente, num cenário de crise.

Confira os dados ao lado

59.02%0

Veículos da Frota

37.70%0

Táxi

26.23%0

Locação de Veículos

26.23%0

Veículos por aplicativo

13.11%0

Motorista da empresa

O estudo completo tem mais informações sobre:

– Histórico de valores do combustível (por região e por estado)
– Evolução dos valores praticados
– Valores de reembolso (frente ao valor da gasolina e por km)
– Reajuste do valor
– Periodicidade da revisão
– Últimos ajustes
– Informações adicionais
– Dicas para práticas de reembolso

O Estudo é disponibilizado apenas em nossa plataforma de remuneração, a ConsultaSalarial®.

Você pode entrar na modalidade Free, participar da coleta do estudo e receber os resultados, totalmente de graça!

Como o reajuste é feito?

Pesquisa de Mercado
36% das empresas apontaram realizar uma pesquisa de mercado para atualizar suas práticas

Outras formas
Cálculo interno de custos, Valor do combustível e Inflação

Quais itens são considerados no cálculo do reembolso?

  • Combustível (84.19%)
  • Manutenção (58.36%)
  • Depreciação (56.23%)
  • Seguro (28.27%)
  • Taxas IPVA, Licenciamento, etc (25.84%)
  • Limpeza (21.58%)