Gestão de propósito: um caminho para o sucesso

São os grandes desafios que nos tornam ainda maiores!
14/12/2016
Por que devo ter um plano de cargos e salários se já faço pesquisas salariais?
11/01/2017

Um casal se encontra pela primeira vez, tudo é novidade e aquela sensação de ansiedade com um misto de nervosismo pode ser percebida pelos dois lados. Uma das pessoas começa a falar de si mesma. “Eu sou excelente profissional, sei cozinhar como ninguém, já viajei o mundo”. O outro ouve pacientemente, mas desconfiando pelas entrelinhas que aquilo tudo pode não passar de um exagero. Se você não passou por essa situação em um relacionamento, pode ter passado por isso em outro contexto ou ouvido falar que aconteceu algo parecido com um amigo.

O que muita gente não percebe é que na vida não costumamos tirar conclusões sobre alguém com base nas definições que essa pessoa faz de si mesma, mas fazemos isso enxergando como ela faz suas escolhas e lida com elas. Se trouxermos esse exemplo para uma empresa, o cenário pode ser parecido, viver o que prega significa fazer com que todos que partilham daquela organização com fins lucrativos vivam e compartilhem com ela os sentidos propostos.

Trace um propósito e viva-o

A princípio pode parecer subjetivo, mas muitas empresas buscam a todo momento se adequar ao mercado seguindo novas tendências e aquilo que está na moda, mas no fundo têm dificuldade em apresentar uma essência capaz de motivar seus colaboradores a atingirem seus propósitos junto com elas – na maioria das vezes elas nem parecem ter consciência disso. Por esse motivo, é fundamental que a organização seja capaz de traçar um propósito e viver aquilo que prega, mesmo que isso não seja a tarefa mais simples do mundo. Só assim, conseguirá reconhecimento de mercado, que vai muito além do sucesso financeiro, será capaz de inspirar aqueles que colaboram com o cerne de suas atividades, o lucro, fazendo com que esses indivíduos sintam-se úteis e motivados para acordar todos os dias e ir trabalhar.

A liderança, por meio de uma gestão integrada e coesa, é o caminho para fazer o sentido se concretizar e “contaminar” todos os subordinados, seja nas ações efetivas de produção, seja nas subjetivas com relação a valores, cultura e outros.

O departamento de Recursos Humanos é um forte aliado dos líderes para propulsionar essa essência. Além disso, é muito importante que o indivíduo saiba desde o início o propósito da companhia, pois é a partir dele que vai decidir se quer ou não fazer parte desse time e encontrar motivação suficiente para interligar o seu sentido de vida com o do local de trabalho.

 

Receba nossos materiais e publicações

 

Carreira Muller | Construindo Sentidos

1 Comentário

  1. […] E ai, essas reflex√µes te ajudaram a entender se a sua empresa est√° em linha com o mercado e as suas expectativas? Para saber mais leia tamb√©m nosso post sobre gest√£o de prop√≥sito. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Assine a nossa newsletter

X