Como se comparar com o mercado?

Pensadores da sociedade – Um estudo sobre motivação
27/09/2017
O job limit não é um vilão, é oportunidade!
18/10/2017

Se você não viveu nos anos 80, deve achar a moda da época bastante divertida e diferente do estilo de hoje. Nas fotos da família, com certeza achará algumas tias com roupas coloridas, cabelos volumosos e penteados chamativos – tudo ao estilo de filmes como Grease e Dirty Dancing.

Assim funcionam os padrões de beleza. Eles mudam conforme a época, influenciam uma legião de pessoas e depois passam, se modificam e se transformam em vintage ou moda retrô.

Um vídeo produzido por uma companhia de storytelling, chamada Cut, ilustra essa evolução.  O clipe, que se chama “Brazil, 100 Years of Beauty” (“Brasil, cem anos de beleza”), na verdade, faz parte de uma série que retrata a transformação da beleza no mundo. A produção é, realmente, muito interessante e funciona como uma máquina do tempo:

Para visualizar o vídeo diretamente na página do YouTube, clique aqui.

Pois bem, aqui vai o insight: o mercado é exatamente como a moda (ou como os sensos de beleza). O que foi bonito há 30 anos, pode não ser mais tão bonito hoje, e isso acontece também com as tendências de mercado, elas mudam.

Por isso que ficar atento às mudanças do clima econômico e às movimentações da concorrência é tão importante. O que antes demorava anos para mudar, agora muda em meses.

Você não é a Gisele Bündchen (e tudo bem!)

Quando falamos em beleza é comum falarmos também em comparação. Quem nunca se comparou ao Rodrigo Hilbert ou à Gisele Bündchen e se sentiu um pouco fora do padrão?

O mesmo acontece com o mercado: quando você compara sua empresa com os parâmetros errados ou com um padrão ideal muito distante, é comum se sentir deslocado.

É por isso que o trabalho de seleção de mercados é importante.

Composição de painéis de pesquisa

Esse assunto já foi abordado em nosso blog, mas sempre vale a pena voltar a discutir a composição de painéis, porque esse processo caracteriza o início de todo trabalho de pesquisa de mercado. Em outras palavras, conhecer bem o mercado facilita a elegibilidade dos cenários que serão usados para o job matching.

Em primeiro lugar, é preciso conhecer o cenário no qual a empresa concorre em mão de obra, uma vez que os parâmetros mudam de acordo com os níveis hierárquicos e com as regiões.

O mercado de mão de obra, nem sempre, é o mesmo mercado de concorrência de produto e, exatamente por isso, o comportamento de seus colaboradores deve ser levado em conta no próximo passo da composição de painéis de pesquisa.

Qual costuma ser o destino dos funcionários que são desligados da companhia? Os novos empregadores podem entrar no seu radar de concorrentes. Informações como essas são levantadas com a ajuda da equipe de recrutamento e seleção e também por meio das entrevistas de desligamento.

Depois disso, chega o momento de selecionar o tamanho da sua amostra. Para uma boa tabulação, nós recomendamos o mínimo de 12 empresas. Nesse momento, conhecer o cenário em que a empresa está inserida, ajudará a não compor painéis muito dispersos, com parâmetros que podem distorcer os resultados de mercado.

Ou seja, se deseja compor um mercado com empresas de pequeno porte, é preciso tomar cuidado para não incluir, na amostra, uma companhia muito grande com práticas salariais muito agressivas.

Além de tudo isso, você precisa saber que pode (e deve) ter mais de um painel para fazer avaliações. Cada bloco de cargos (operacional, tático e estratégico) precisa ter um painel diferente, já que concorrem em esferas distintas de mercado e, sendo assim, o número de painéis não pode ser limitado.

Quando o assunto é comparação, busque muitos modelos para se comparar antes de tomar qualquer decisão.

Por que devo compor painéis?

A resposta para essa pergunta é simples: dados isolados não indicam tendências.

Seguindo o mesmo exemplo sobre padrões de beleza, como poderíamos determinar se usar meias coloridas é moda ou não, se apenas uma pessoa se vestisse assim? É preciso identificar um movimento, uma tendência. O mesmo acontece com os parâmetros de comparação de mercados.

Quer saber mais sobre os painéis de pesquisa?
A ConsultaSalarial® pode te ajudar! Saiba mais clicando aqui.

Receba nossos materiais e publicações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Assine a nossa newsletter

X